segunda-feira, 27 de junho de 2016

Saúde em Luís Correia: os tempos mudaram



É preciso ter responsabilidade para se falar de saúde. As leviandades e o sensacionalismo praticados em virtude de dificuldades inerentes às atividades do sistema no Brasil inteiro, não dão direito aos” plantonista da mídia quanto pior melhor”, plantar o terror e desqualificar um serviço que é essencial à vida das pessoas, e que é conduzido com extrema responsabilidade.

atendimento médico e exames de  ultrasonografia


O Hospital N. S. da Conceição, em Luís Correia, é o único hospital municipal em toda a região norte, mantido exclusivamente pelo município e SUS, com plantão 24hs, Centro Cirúrgico para pequenas cirurgias; Ultrassom, Raio X, Eletrocardiograma, Cardiologia, Urologia, e outras especialidades, além de Fisioterapia, nutricionista e internação. O HMNSC recuperou e ampliou seus serviços na atual Administração da Prefeita Adriane Prado. Novas Unidades Básicas de Saúde foram construídas na cidade e no interior, descentralizando e ampliando o atendimento. Ambulâncias foram adquiridas acabando com a pratica de aluguel.

ambulância


                                   A Herança Kim



Nos anos de 2009 à 2012, na gestão Kim do Caranguejo, o HMNSC foi à derrocada, inteiramente sucateado com a intenção de que o Governo do Estado o assumisse. Kim acabou com o Centro Cirúrgico e as pequenas cirurgias; acabou com ultrassom, Raio X, cardiologia e com plantões médicos 24h, que na verdade nunca existiram. Partos e atendimentos de ginecologia eram desviados para Parnaíba. A ambulância era alugada da PRÓ-VIDA a custos absurdos. O Hospital se mantinha aberto graças aos funcionários efetivos e técnicos de enfermagens, que recorriam quase que diariamente aos Boletins de Ocorrência (B.O.), para se isentarem da responsabilidade pela falta de médicos e falta de condições de atendimento à população.


                                   Em visita ao Hospital


Estivemos no Hospital na manhã de sábado (25), conversando com usuários e pacientes sobre as condições de atendimentos. Para o Sr. Luís Gonzaga, do Coqueiro da Praia, que procurou o hospital por causa de uma arritmia cardíaca e pressão alta, e para sua Esposa D. Zilene da Silva, “ o atendimento foi muito bom. Nós sempre fomos bem atendidos. Ele já tá melhor, só aguardando o eletro com o Dr. Xavier”. Já para D. Vanda Maria Sales de Sousa, “ a gente é sempre bem atendida. Eu sempre sou bem atendida. Não tenho nada a dizer contra, não”. O que você vai dizer para essas pessoas (????) Que o Hospital não funciona, não serve à população.

novos leitos de qualidade

eletrocardiograma
O Luís-correiense tem, sim, que defender aquilo que é melhor para ele. Mas é importante não permitir que os avanços conquistados sejam destruídos, avacalhado por aqueles que querem o poder a todo custo.

fonte/fotos Daniel Fossey

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião. Ela é muito importante para nós...