sábado, 17 de fevereiro de 2018

Menina de dois anos é esquecida dentro de carro e morre


Janaúba, Norte de Minas Gerais, entra, uma vez mais, em choque. Nesta quinta-feira (15/02), uma menina de dois anos morreu após ter sido esquecida no carro pelo seu pai, que deveria levá-la para a escola. A criança ficou trancada no veículo. O pai da criança entrou em estado de choque e foi atendido no Hospital Fundajan.
Conforme informações de vizinhos da família, o comerciante saiu para levar a filha a uma escolinha particular da cidade. Quando estava saindo de casa, o homem atendeu a uma ligação e acabou indo para o escritório de sua empresa, do ramo de material de construção. Ele acabou esquecendo a filha trancada dentro do veículo, que ficou parado perto da loja.



Cerca de três horas depois, um conhecido do comerciante perguntou pela família. Neste momento, relatam testemunhas, o pai saiu desesperado em direção ao carro. A menina estava desacordada e ainda dava sinais vitais. Em desespero, o pai levou a filha imediatamente para o Hospital Fundajan. Os médicos fizeram todos os procedimentos para reanimar a garota, que chegou a ser entubada, mas não resistiu e morreu duas horas após dar entrada na unidade de saúde.
A menina era filha de uma enfermeira e ex-secretária municipal de Saúde, que ajudou a atender as crianças vítimas da tragédia da creche Gente Inocente, em outubro de 2017. Na ocasião, o vigia Damião Soares dos Santos, de 50 anos, invadiu o Centro Municipal de Educação Infantil (Cemei) e, após espalhar combustível no chão, ateou fogo na unidade, matando a si próprio e provocando a morte de 10 crianças, de uma professora e de duas auxiliares de professora. Mais de 40 pessoas ficaram feridas.
Fonte: Estado de Minas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião. Ela é muito importante para nós...