sábado, 22 de outubro de 2016

Homem sofre surto e morre em cela de delegacia do interior do Piauí


Caso aconteceu na sexta-feira (21), na cidade de Barras, Norte do estado. Vítima tinha 28 anos, era usuário de drogas e já tinha cometido assassinato.

Um homem de 28 anos, identificado por Francisco Gama de Lima, 28 anos morreu após ter surto em uma cela da Delegacia de Barras, cidade localizada a 118 km de Teresina. De acordo com o delegado Arthur Leal, a vítima estaria alterada e provocando confusões no bairro Vila Franca e foi detido por policiais militares.

Delegacia de Barras (Foto: Portal Longah )

“A população ficou apreensiva com o comportamento dele, chamou a polícia militar que foi até o local. Em seguida, foi encaminhado ao Hospital Regional Leônidas Melo onde foi medicado, pois estava com comportamento bastante agitado. Ao retornar para a delegacia, prestou depoimento e ficou por algumas horas presos em uma cela com um único detento. Foi então que instantes depois o preso nos chamou e percebeu que ele já estava morto e teria tido um surto”, disse o delegado.

Ainda de acordo com o delegado Arthur Leal, a vítima chegou à delegacia aparentemente calma e normal. Ele seria usuário de crack e já teria passagens pela polícia, acusado de matar um lavrador em março de 2015, após choque nervoso.

A perícia investiga se a morte do homem foi provocada pelo uso de drogas, que teria gerado um ataque cardíaco, overdose ou efeito colateral da mistura de alguma substância que ele pudesse ter ingerido com o medicamento recebido no hospital. O laudo médico apontará as causas da morte.

A estrutura da Delegacia de Barras apresenta inúmeras deficiências, conforme apontado pelo delegado Arthur Leal. Apenas um preso está no local, em virtude das condições insalubres. Quando necessários, os criminosos presos no município são levados para o Presídio de Esperantina, cidade vizinha, ou para Teresina.

Beto MarquesDo G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião. Ela é muito importante para nós...