quinta-feira, 26 de maio de 2016

Vistoria na Irmão Guido apreende vários celulares em THE

Apenas em dois pavilhões

Segundo informações do diretor jurídico do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (Sinpoljuspi), Vilobaldo Carvalho, a vistoria foi realizada apenas nos Pavilhões A e B.

Vistoria realizada na manhã desta quinta-feira (26) na Penitenciária Irmão Guido em Teresina encontrou 14 celulares, várias baterias, carregadores, pilhas e barras das celas que são usadas como armas pelos detentos.

Imagem: Divulgação/Sinpoljuspi

Objetos encontrados em vistoriaSegundo informações do diretor jurídico do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (Sinpoljuspi), Vilobaldo Carvalho, a vistoria foi realizada apenas nos Pavilhões A e B e com a participação dos agentes de Plantão, Setor de Disciplina e apoio dos Agentes do Comando de Operações Prisionais (COP).

“Foram só em dois pavilhões e daí você vê a situação. Eles sempre estão buscando formas de burlar a segurança. Só que os agentes sempre estão tentando impedir isso, mas infelizmente sofremos com uma carência no número de agentes e tempos o problema da superlotação que prejudica isso”, destacou.

Imagem: Bárbara Rodrigues/GP1Vilobaldo CarvalhoVilobaldo afirmou que as vistorias na Irmão Guido não acontecem diariamente como na Casa de Custódia. “Hoje mesmo pegaram uma pessoa tentando entrar com 15 baterias na Casa de Custódia, mas os agentes conseguiram impedir isso”, explicou.

Imagem: Divulgação/Sinpoljuspi
Agentes que participaram da vistoria

BÁRBARA RODRIGUES, DO GP1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião. Ela é muito importante para nós...